Em Segundo Sol: “Odeio você”, Ícaro que decide chamar a polícia e desespera Luzia

Na novela escrita por João Emanuel Carneiro, Ícaro (Chay Suede) irá decidir chamar a polícia para prender a mãe. Mas Luzia (Giovanna Antonelli) terá ajuda de sua irmã Cacau (Fabiula Nascimento), que irá pegar o celular do sobrinho enquanto a DJ vai embora, chorando por causa da rejeição do filho.

O jovem ficará totalmente furioso ao rever a mãe e espumará de raiva.

“Eu já sabia, só queria olhar na sua cara e ouvir isso de sua boca! (OLHA CACAU) Você tava acobertando ela, mentindo! Deve ser genético essa tendência pra mentir, enganar os outros. Minha mãe? Mamãezinha querida? Como é que você tem coragem de chamar de mãe uma mulher que matou o marido, abandonou os filhos, sumiu”, exclamará ele revoltado.

“Eu não abandonei vocês, eu sempre procurei saber de você e de sua irmã pela Cacau… é verdade, meu filho! Não teve um dia de minha vida que não pensasse em vocês… e mesmo brigada com a sua tia eu ligava pra ter notícias”, revela Luzia.

“Os presentes que eu lhe dava, Ícaro, nos aniversários, dia das crianças, nos Natais, era Luzia que mandava”, conta a tia.

“Manu [Luisa Arraes] tá certa, vocês duas são cúmplices, parceiras… Eu tenho vergonha de você, capaz de enganar o próprio filho, se passar por outra pessoa”, explodirá Ícaro.

“Eu não sabia como me aproximar, tinha medo que você me rejeitasse, como sempre rejeitou. Eu fui vítima de uma armação, eu não matei intencionalmente seu pai”, declara a DJ que logo após é acusada pelo filho de estar mentindo. “Me escuta, Ícaro, me escuta!! É verdade, acredita em mim! Eu tive que fugir da cadeia, fugir do país”, argumentará a loira.

“Olha o que você diz, ‘tive que fugir’, fugir por quê? Fugir do país? Por quê? Se era inocente como diz”, pergunta ele.

“Fui jurada de morte na cadeia! Você não tem ideia do que eu passei! Essa mulher com quem você tá envolvido, essa Laureta [Adriana Esteves], armou contra mim no passado, tentou ferrar com a minha vida, você precisa se afastar dela!”, tentará explicar Luzia.

“Confio muito mais em Laureta do que em você, (INDICA CACAU) e do que nela… que passaram a vida mentindo”, rebate Ícaro.

“Não diz isso, meu filho”, pede Luzia.

“‘Meu filho’, que ridículo ouvir essa palavra da sua boca… Você não é minha mãe, nem nunca vai ser!”, dispara o garoto de programa.

“Ícaro, dá uma chance pra Luzia, se acalme, escute!”, interfere Cacau.

“Eu tive alguma chance? Vocês me deram alguma chance?”, questionará Ícaro. “Você entregou seus filhos pra sua irmã como se fossem dois entulhos e agora volta, só dá as caras porque eu lhe desmascarei, e dá uma de mãe boazinha, preocupada, me chamando de meu filho? Eu não acredito em nada que você fala!!”, continua ele, acusando a mãe.

“Então me diz: Por que é que eu voltei? Por que eu quis lhe encontrar? Se sou essa bandida desalmada, por que tô fazendo isso? Me expondo, me arriscando, se podia continuar longe, em segurança?”, questionará Luzia.

“Sei lá que planos você tem, o que é que se passa nessa sua cabeça… vai ver que você quer se vingar de Laureta, de alguém. Pelo jeito você se deu bem na vida, daquela marisqueira que você era pra essa mulher de hoje, cheia de truques… parece que seus golpes deram certo”, acusará.

“Não tem golpe nenhum! Se eu lhe explicar a minha história você vai entender…”, pedirá Luzia, aos prantos e continuará: “Eu te amo, meu filho, tudo o que mais quero na vida é que você e sua irmã um dia me perdoem, que vocês deixem eu ficar perto de vocês, eu voltei por vocês, por amor a vocês, eu juro!… Deixa eu lhe dar um abraço…”, pede.

ÍCARO AMEAÇA LUZIA DIZENDO QUE IRÁ CHAMAR A POLÍCIA

O filho de Luzia a rejeita num gesto e logo em seguida pega o celular.

“Não encosta em mim! Vou ligar pra polícia”, dirá ele. Cacau então para evitar que a irmã seja presa pega o celular da mão do sobrinho.

“Vai embora, Luzia!”, mandará.

“Me devolve isso!!”, exclama Ícaro.

“Ícaro…”, lamenta a mãe do rapaz.

“Sai daqui, Luzia!!!”, dirá Cacau.

A DJ então sai chorando e dizendo: “Eu te amo, meu filho… te amo…”.

“Eu odeio você, desaparece pra sempre, não me procura nunca mais!! Odeio você!!”, gritará Ícaro.

“Cacau chora, Ícaro esmurra a parede, chorando também, de raiva, desamor, um misto de emoções”, aponta o roteiro de João Emanuel Carneiro. A cena irá ao ar dia 25 de Junho.